Publicidade

Prefeitura vai abrir sindicância para investigar servidor que usou veículo oficial para ir em casa de prostituição

Em nota, a Prefeitura de Santa Rita do Pardo esclareceu que não compactua com o fato ocorrido

17/06/2024 às 10h06 Atualizada em 18/06/2024 às 13h49
Por: Redação Fonte: Cenário MS
Compartilhe:
Carro oficial da Prefeitura de Santa Rita do Pardo que estava estacionado em frente a casa de prostituição - Foto: Reprodução/Campo Grande News
Carro oficial da Prefeitura de Santa Rita do Pardo que estava estacionado em frente a casa de prostituição - Foto: Reprodução/Campo Grande News

A prefeitura de Santa Rita do Pardo vai abrir uma sindicância administrativa para apurar a má conduta e uso inadequado de veículo oficial do município, após motorista ser flagrado se utilizando de um carro da prefeitura na manhã deste sábado (15), para ir até uma casa de prostituição em Campo Grande.

Imagens das câmeras de segurança de uma residência próxima à casa de prostituição, mostram o momento em que veículo estaciona e o motorista sai do carro, fecha a porta, passa um tempo mexendo no celular e entra na casa de prostituição, localizada numa rua sem saída do Centro de Campo Grande.

A denúncia foi enviada aos jornais da Capital por morador da região que preferiu não se identificar. Segundo o denunciante, a mesma pessoa foi vista no local outras vezes, além de "outros carros oficiais de outras prefeituras e até ambulâncias", afirmou.

Continua após a publicidade

Em nota, a Prefeitura de Santa Rita do Pardo esclareceu que não compactua com o fato ocorrido e informou que será aberta uma sindicância administrativa contra o servidor envolvido e serão tomadas todas as medidas cabíveis dentro do poder público.

Confira abaixo na íntegra a nota da prefeitura sobre o caso:

Continua após a publicidade

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Lenium - Criar site de notícias